Seu gato não quer comer? 8 razões possíveis e como resolvê-las

Mesmo que os felinos sejam famosos por seus caprichos, um gato que de repente para de comer ainda é preocupante.

Isso ocorre porque, ao contrário dos cães, os gatos são propensos a uma doença fatal chamada  lipidose hepática,  que pode se desenvolver alguns dias depois de parar de comer.

Para melhorar o apetite do seu gato, portanto, você deve primeiro determinar por que ele não está comendo.

A partir daí, você pode determinar se deseja ver um veterinário ou apenas trabalhar em algumas mudanças no estilo de vida.

OS HÁBITOS ALIMENTARES DE UM GATO SAUDÁVEL

Muitas doenças felinas podem ser atribuídas à má nutrição. Entender como seus  primos selvagens  comem naturalmente pode nos ajudar a entender por que um gato doméstico não come em casa. Como verdadeiros carnívoros, os gatos obtêm a maior parte de suas calorias de proteínas e gorduras.

Na verdade, a dieta de um gato selvagem normalmente contém apenas 2% de carboidratos. Embora os gatos domésticos tenham as mesmas necessidades nutricionais, a maioria das marcas de alimentos para gatos contém significativamente mais carboidratos e também podem incluir corantes e outros aditivos desnecessários.

Também vale a pena mencionar que os gatos selvagens caçam ao longo do dia, normalmente comendo várias pequenas refeições de roedores, pássaros, lagartos e insetos. Os gatos domésticos, por outro lado, “pastam” ao longo do dia, mas absorvem mais calorias com muito menos exercícios.

Neste artigo, exploraremos os motivos mais comuns pelos quais os gatos param de comer e como você pode ajudá-los a recuperar o apetite.

 POR QUE SEU GATO NÃO COME?

1. Comeu demais

Se você alimentar seu gato “por conta própria”, ele pode comer mais do que você pensa. Muitos donos de gatos optam por deixar comida felina disponível para eles durante todo o dia para que seu animal de estimação possa comer quando quiser.

Como os gatos selvagens que comem várias pequenas refeições por dia, os gatos domésticos costumam ir para sua tigela sempre que podem.

Se você estiver ocupado, pode perder a quantidade de lanches que seu gato gosta ao longo do dia.

Você também pode alimentar o seu gato inadvertidamente, seguindo as instruções no saco ou lata de comida. 

Como o principal objetivo dos fabricantes de alimentos para animais de estimação é vender uma grande quantidade de alimentos, eles frequentemente superestimam quanto seu animal deve comer.

Para obter uma estimativa precisa de quanto alimento seu gato deve comer, pergunte ao seu veterinário. Ele considerará a idade, o tamanho, o nível de atividade e o peso ideal do seu gato para fornecer orientações específicas sobre alimentação.

white kitten

2. Muitas guloseimas

Você mesmo sabe como beliscar pode arruinar o seu jantar! O mesmo se aplica ao seu gato!

Algumas guloseimas ao longo do dia podem não parecer muito, mas essas calorias se somam, especialmente quando seu gato pesa apenas alguns quilos!

Seu gato pode se sentir satisfeito com todos aqueles lanches extras ou pode estar apenas esperando por guloseimas saborosas, em vez de ração chata. 

De acordo com os veterinários, guloseimas e outros lanches nunca devem fornecer mais do que 5-10% da ingestão de calorias de um gato.

As guloseimas para gatos geralmente não são nutricionalmente balanceadas e, como as comidas mais baratas, geralmente contêm açúcares, corantes e aditivos prejudiciais à saúde.

3. O comportamento do gato

Alguns gatos são realmente exigentes, especialmente se recebem muitas guloseimas e pequenos extras. Em vez de aceitar os caprichos do seu gato , escolha uma dieta balanceada e de qualidade e siga-a.

Contudo, se o problema é novo, isso poderia significar que o seu gato está doente ou estressado. Existem sintomas adicionais que acompanham a falta de apetite, como vômitos, diarreia ou prisão de ventre?

Em caso afirmativo, vá ao veterinário para um check-up. Se o seu gato não está comendo, mas parece estar bem, o problema pode ser o estresse.

4. Estresse

Como os cães, os gatos são muito sensíveis ao estresse e à ansiedade. Na natureza, eles são predadores e presas; eles devem, portanto, permanecer vigilantes e estar prontos para lutar ou fugir a qualquer momento.

Em um ambiente doméstico, mesmo as menores mudanças em sua rotina podem causar estresse e fazer com que parem de comer. Aqui estão as causas comuns de estresse em gatos domésticos:

  • Tédio
  • Ansiedade territorial
  • Conflitos com outros animais de estimação em casa
  • Ruídos como tempestades, fogos de artifício ou música
  • Perda de um ser humano ou animal da família
  • Mudanças de rotina ou programação
  • Recebendo uma nova pessoa ou animal de estimação para a família
  • Problemas medicos
  • Mudanças e ou viagens
  • Passeios de carro
  • Mudanças na casa, como remodelação
  • Visitas ao veterinário, canil ou tratador

5. Dor de dente

Ninguém quer comer quando seus dentes ou gengivas estão doloridos. As doenças dentárias geralmente se desenvolvem com a idade, mas mesmo os gatos muito jovens podem sofrer de dores de dente.

Se você perceber que seu gato está mastigando apenas um lado ou engolindo comida inteira, marque uma consulta com seu veterinário.

brown tabby cat lying on white textile

6. Vacinação ou medicação recente

Efeitos colaterais como dor, letargia, falta de apetite e até náuseas são normais por até 48 horas após a vacinação do gato.

Contanto que seu gato não se recupere após um ou dois dias e não tenha efeitos colaterais graves, como convulsões, inchaço facial ou dificuldade para respirar, não há necessidade de voltar ao veterinário.

Alguns medicamentos também podem causar náusea ou dor de estômago, enquanto outros podem torná-los sonolentos.

Se o seu gato não estiver comendo após iniciar um novo medicamento, pare o tratamento e entre em contato com o seu veterinário.

7. Mudanças relacionadas à idade 

Conforme os gatos envelhecem, eles tendem a se tornar menos ativos. Menos correr, pular e brincar significa que eles precisam de menos calorias.

Se o seu gato for idoso, a diminuição do apetite pode estar simplesmente relacionada à idade.

8. A doença

Por último, mas não menos importante, as mudanças no apetite podem significar que algo está errado com o corpo do seu gato.

Fique atento a sintomas adicionais, como vômitos, diarréia, letargia, etc. e, em caso de dúvida, consulte um veterinário. As doenças que podem fazer com que um gato pare de comer incluem:

  • Pancreatite
  • Gastrite
  • Intoxicação alimentar (comer algo tóxico, não alimentar ou impróprio)
  • Envenenamento 
  • Infecções sistêmicas
  • Dor
  • Doenças inflamatórias
  • Doenca renal
  • Diabetes
  • Alguns cânceres

QUANTO TEMPO PODE FICAR UM GATO SEM COMER?

Enquanto os cães podem ficar até cinco dias sem comida, os gatos não têm tanta sorte.

Quando um gato não come por alguns dias ou come muito pouco por algumas semanas, ele corre o risco de desenvolver uma doença grave chamada lipidose hepática.

A perda repentina de peso, especialmente em um gato obeso, faz com que o corpo recorra aos seus depósitos de gordura para obter energia.

A gordura penetra no fígado, resultando em insuficiência hepática aguda se o órgão for incapaz de eliminar o excesso de gordura.

Se o seu gato parece ter perdido peso, está vomitando, tem diarreia ou uma coloração amarelada nos olhos ou na pele, consulte um veterinário imediatamente  !

O QUE FAZER SE O SEU GATO NÃO COMER?

Se em algum momento você sentir que seu gato não está comendo devido ao seu estado, consulte o seu veterinário imediatamente .

Além de reduzir as guloseimas e fornecer alimentos frescos e saudáveis, as dicas a seguir podem ajudar a restaurar o apetite do seu gato.

Experimente mudanças na dieta. Os gatos são muito sensíveis ao tamanho, forma, textura e consistência da comida. Se o seu gato comer comida seca, experimente uma ração de formato diferente. Para quem consome comida enlatada, experimente pedaços de molho em vez de picar, ou vice-versa.

Se o seu gato tem problemas respiratórios, pode ser difícil para ele sentir o cheiro da comida. Experimente aquecê-lo ligeiramente para realçar o aroma. 

Considere também reduzir o estresse que pode estar relacionado à dieta. A comida do seu gato está em uma área movimentada da casa? Talvez ele esteja sentado ao lado da máquina de lavar louça barulhenta? Considere a natureza nervosa do seu gato e coloque as tigelas de comida e água em uma área tranquila e isolada da casa.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Artigos mais vistos