Gato em um apartamento: a opinião de um veterinário

Mesmo com anos de domesticação, os gatos ainda são animais. E apesar de todos os esforços do mundo, eles manterão seus instintos primários e preservarão certos comportamentos selvagens.

Isso não significa que eles não possam ser companheiros maravilhosos, apenas significa que você deve estar ciente de como eles se adaptam a certos ambientes.

Ao observar gatos ao ar livre, você descobrirá que eles geralmente gostam de subir em árvores, pular em telhados e caçar presas.

Portanto, é legítimo questionar se um gato pode se adaptar a uma vida dentro de casa e se é sensato ter um gato em um apartamento.

Aqui está a opinião de um veterinário.

OS GATOS ESTÃO FELIZES NO APARTAMENTO?

Quando seu gato está ronronando no sofá, comendo com fome ou aninhando em seus braços, é difícil imaginar que ele está infeliz. Para você, todas as necessidades de bem-estar animal são atendidas. 

No entanto, às vezes seu gato pode parecer inquieto. Mesmo que ele demonstre afeto por você, pode haver momentos em que ele se esconda em um lugar escuro ou fuja de sua presença sem motivo aparente. Existem muitas causas para esse tipo de comportamento, mas uma delas pode ser que o seu gato tenha uma personalidade inadequada para a vida dentro de casa.

Os gatos têm uma grande variedade de personalidades que podem ser  categorizadas em cinco categorias:

  • O gato humano:  quem adora a companhia dos homens. Este gato foi frequentemente usado com humanos desde muito jovem.
  • O gato-gato:  quem prefere a companhia de gatos. Muitas vezes, ele viveu por muito tempo com sua mãe e irmãos.
  • O gato caçador:  quem manteve seus instintos selvagens. Eles geralmente adoram trazer uma presa para você.
  • O gato curioso:  animado e interessado em tudo. Este gato é brincalhão e dinâmico. Um nada o estimula.
  • O gato solitário:  muitas vezes mal-humorado, gosta da solidão. Isso geralmente precisa de mais espaço.

Alguns gatos, portanto, têm uma personalidade que os torna mais adequados para ficar em casa o dia todo.

Outros, entretanto, terão um tipo de personalidade mais sujeito à frustração e ao estresse por não namorar.

Eles podem ter um forte instinto de caça ou uma necessidade de socialização que não é satisfeita apenas por sua família humana.

Normalmente, isso se deve ao instinto e não a uma necessidade básica, mas certamente pode ser difícil para muitos gatos suprimir isso.

Se seu gato é hiperativo e nervoso em casa , é provável que ele não seja um gato domesticável e seja feliz dentro de casa. Os gatos domésticos que são feitos para o apartamento tendem a ser felizes e pacíficos em seu ambiente doméstico.

De qualquer maneira, devemos deixá-los sair (mesmo que seja uma perspectiva perigosa)? Ou existem outras maneiras de ajudá-los a se ajustar?

brown tabby cat lying on white textile

VANTAGENS E DESVANTAGENS DE MANTER UM GATO EM UM APARTAMENTO

Quando optamos por ter um gato em nosso apartamento, é nosso dever zelar pelo seu bem-estar. 

Por este motivo, muitos pais de animais de estimação não se atrevem a deixar o seu gato ao ar livre, pois existem perigos que podem ameaçá-los.

Aqui está uma lista dos prós e contras de levar um gato que vive dentro de um apartamento:

Nunca deixe seu gato sair do apartamento 

  • Pró: você pode garantir que seu gato tenha suas necessidades básicas o tempo todo: comida, água, um lugar para descansar, etc.
  • Contras: em gatos muito ativos, o espaço limitado pode causar frustração e estresse.
  • Prós e Contras: Horas de diversão, enriquecimento e companheirismo dependem da disponibilidade do proprietário.
  • Prós: ainda podemos simular presas e outros comportamentos instintivos de um gato com brinquedos e jogos.

Deixe um gato sair do apartamento 

  • Prós: O gato tem mais espaço para realizar atividades físicas.
  • Prós: Ele tem muito mais estímulos no mundo exterior.
  • Prós: ele pode exercer seu instinto de caça com pequenos animais.
  • Contras: Pode causar gravidez indesejada.
  • Contras: Ele pode lutar com outros animais (especialmente outros gatos por questões de território).
  • Contras: Corre o risco de ser atropelado, envenenado ou perdido.

COMO FAZER UM GATO INTERIOR FELIZ

Portanto, se você está se perguntando se um gato pode morar em um apartamento, a resposta é sim.

No entanto, os pais do gato precisam ter certeza de que seu animal de estimação está feliz e tem todo o conforto de que precisam para morar em um apartamento.

Um dos segredos é o  enriquecimento ambiental , o que significa que eles têm estímulo suficiente para morar em ambientes fechados. Também ajuda a prevenir problemas de comportamento, frustração e ansiedade.

Os gatos são animais curiosos. Isso significa que podemos melhorar drasticamente sua qualidade de vida, fornecendo brinquedos que podem ser tão simples quanto uma caixa de papelão. 

brown and white cat in shallow focus shot
  • Compre (ou mesmo faça) brinquedos  para o seu gato desfrutar enquanto você estiver fora. Os brinquedos sonoros ou que oferecem uma guloseima são especialmente atraentes para os gatos.
  • Você sabia que arranhar e afiar suas garras é uma parte importante da atividade diária de um gato. Para atender a essa necessidade,  integre raspadores em seu apartamento  ; alguns são mais elaborados e estimulantes do que outros.
  • Se houver espaço nas paredes, você pode configurar passarelas, pontes e outras estruturas  para o seu gato explorar e se exercitar. Esses adereços podem imitar árvores, paredes e outras estruturas que podem encontrar ao ar livre. Isso impedirá que seu gato pule para o quadro que tia Janine lhe deu há três anos.
  • Catnip também tem um efeito poderoso em gatos.  Pode ajudar a estimulá-los, mas também pode relaxá-los e fazê-los sentir-se bem. Você pode esfregar nos brinquedos ou colocar a grama em um lugar que eles frequentem para que se sintam mais relaxados quando estiverem dentro do apartamento.
  • Se você não fica em casa o tempo todo, passe bastante tempo com seu gato quando estiver no apartamento.  Interaja, brinque, acaricie-o e certifique-se de que ele seja amado o suficiente.
  • Não se contente com os mesmos brinquedos e jogos.  Os gatos adoram variedade tanto quanto qualquer pessoa. Mantenha os brinquedos em rotação regular e deixe os que não usarem em uma caixa até que se cansem dos disponíveis.

Embora os gatos sejam animais relativamente solitários, eles precisam de socialização. Nunca deixe seu gato sozinho no apartamento por mais de 24 horas. Você não só precisa estar presente para fornecer água potável e comida, mas ele também se sentirá abandonado e poderá ficar muito estressado.

COMO PODEMOS ASSEGURAR QUE UM GATO ESTÁ FELIZ EM UM APARTAMENTO

Os gatos são animais comuns. Portanto, é mais provável que seu gato tenha um estado emocional positivo  se você não perturbar muito sua vida diária.

Uma mudança que parece insignificante para você pode realmente ter um grande impacto em seu gato. Se, por exemplo, você muda seu horário de trabalho, se passa muitas noites em casa ou se fica fora mais do que o normal, isso pode desestabilizá-lo.

Quando estiver em casa,  certifique-se de que seu gato esteja bem acariciado e recebendo a atenção que merece.  Embora nem todos os gatos sejam muito afetuosos, isso não significa que eles não precisem de amor e atenção. Fornecê-los irá ajudá-los a viver com mais conforto em um apartamento e reduzir qualquer desejo de sair de casa.

Nem sempre podemos garantir que um gato será feliz dentro de casa. No entanto, podemos garantir que ele tenha tudo de que precisa para tornar sua vida no apartamento o mais feliz e gratificante possível.

Pode ser arriscado, mas também podemos procurar maneiras de permitir que eles fiquem do lado de fora sem expô-los aos perigos mencionados acima:

  • Se o seu apartamento tem varanda ou espaço ao ar livre , talvez você possa cercá-lo com um material adequado. Isso protegerá seu gato do perigo externo, mas também manterá o perigo longe.
  • Outra opção é usar uma coleira  para levar o gato para passear. No entanto, se o seu gato gosta de viver em ambientes fechados, provavelmente é melhor não dar a ele um gostinho da vida ao ar livre. Na verdade, isso poderia mostrar a ele o que está faltando e até mesmo causar uma frustração que não existia antes.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Artigos mais vistos